Educação Financeira para todos

Nossa vida é repleta de fases e é preciso ajustar o planejamento financeiro a cada uma delas. Há momentos que nos possibilitam poupar mais, pensar no futuro. Já outros exigem gastos maiores, dedicação total ao momento presente. 

Na universidade

É o caso da entrada dos filhos na universidade. A hora pede uma revisão detalhada do orçamento, com o objetivo de listar e incluir as novas despesas, além de analisar o que pode ser reduzido entre os gastos comuns da família. 

Não sabe por onde começar? Siga o passo a passo e organize suas contas!

Especifique as despesas
O segredo de um orçamento bem-sucedido é construí-lo, o mais próximo possível, da sua realidade. Liste todas as despesas que vai ter na nova situação, já estimando o custo de cada uma delas. Entram aqui, entre outras despesas:

  • valor da mensalidade da faculdade, caso seja particular;
  • compra de livros;
  • material específico (dependendo do curso, como Odontologia, por exemplo);
  • transporte (combustível, estacionamento, ônibus ou despesas compartilhadas com carona);
  • alimentação. 

Longe de casa?
Se o seu filho optar por estudar longe de casa, considere um aumento das suas despesas, por conta disso, mesmo que seja aprovado em uma universidade pública. Veja o que considerar:

  • custo de moradia (vaga em república ou aluguel de imóvel, condomínio, água, luz e outras despesas);
  • gastos de supermercado;
  • alimentação;
  • viagens para visita à família. 

Planejamento em família
O ideal é que a família organize seu planejamento financeiro para esta nova etapa. É sempre indicado compor, ao longo do tempo, uma reserva para este momento.

Caso não seja possível garantir uma reserva financeira, a família deve construir uma estimativa de gastos antes mesmo de o aluno se inscrever no vestibular, para que assim possam escolher a faculdade mais adequada, considerando vários aspectos. 

Analisando as faculdades com cautela, a família reduz custos com vestibular e o estudante, por sua vez, tem um desgaste bem menor. 

Veja alguns exemplos:

  • optar por uma faculdade particular e longe de casa representaria um enorme investimento. A família tem como arcar com esta decisão?
  • no caso de faculdade particular, vocês sabem quais as opções de financiamento do curso?
  • na escolha de faculdade longe de casa, verifiquem se há alguma instalada em cidades onde vocês tenham amigos ou parentes por perto. Além de uma redução nos custos, a medida oferece tranquilidade aos pais.
  • o fato de a universidade ser pública não significa que vocês não terão gastos. Levem isso em consideração no planejamento.

Reuniões familiares
Família unida planeja unida! É recomendável que todos estejam envolvidos nesta nova etapa, pois o orçamento certamente sofrerá impacto. Sucesso!

Na universidade

Compartilhar